Tempo Máximo por Disciplina

Você está aqui:

Aprenda a customizar o tempo máximo por disciplina do ciclo de matéria para seus alunos, ajudando a dar dinamicidade e a priorizar matérias

Ao criar um curso e vincular algum assunto a esse curso, torna-se possível editar esse curso clicando no botão azul “Editar esse curso”, que levará você ao editor avançado de cursos da sua conta. 

Na seção de ciclo de matérias do plano de estudos, você encontrará o menu de “Ordenar Disciplinas”, que permite não só alterar a ordem das disciplinas para o cadastro dos seus novos alunos (essa ordem pode ser posteriormente editada), como também alterar o tempo máximo a ser visto por vez. Confira a seguir como fazer essa configuração.

Entendendo o tempo máximo

Para cada disciplina do curso, você pode definir um tempo máximo a ser visto por vez, que pode variar de 30 minutos até 4 horas. Entretanto, isso não significa que a inserção de atividades dessa disciplina será feita em uma única meta.

Num exemplo prático, considere que o cronograma está programado para inserir, no máximo 3 horas de Direito Constitucional. Essa inserção pode acontecer da seguinte forma, conforme os exemplos fictícios a seguir:

  • Uma única meta de 3 horas de “Direitos e Garantias”
  • Uma meta de 2 horas referente a “Teoria da Constituição” e, em seguida, uma meta de 1 hora referente ao próximo assunto da disciplina na situação em que o assunto anterior tiver sido finalizado. No caso, após finalizar “Teoria da Constituição”, o aluno poderia ter uma meta de 1 hora de “Organização do Estado”, por exemplo.
  • Uma meta de 1 hora de “Direitos Sociais”, seguida de 1 hora de “Nacionalidade”, por sua vez, seguida de 1 hora de “Direitos Políticos”.

O importante a ser ressaltado é que o mesmo conjunto de metas da disciplina não ultrapassará o limite definido de 3 horas.

Todavia, esse limite não significa o tempo máximo da disciplina por dia. Ele apenas indica o tempo máximo a ser inserido toda vez que o ciclo de matérias estiver posicionado na respectiva matéria, momento em que o tempo máximo será considerado.

Considerando, por exemplo, um aluno com 6 horas de estudo disponíveis no dia e a seguinte configuração de limite de tempo:

  • Português: 1 hora no máximo por vez;
  • Matemática: 2 horas no máximo por vez;
  • Informática: 1 hora no máximo por vez;
  • Inglês: 1 hora no máximo por vez.

Nesse caso, as metas do aluno ficarão da seguinte forma:

  1. Conjunto de meta(s) totalizando 1 hora de Português;
  2. Conjunto de meta(s) totalizando 2 horas de Matemática;
  3. Conjunto de meta(s) totalizando 1 hora de Informática;
  4. Conjunto de meta(s) totalizando 1 hora de Inglês;
  5. Conjunto de meta(s) totalizando 1 hora de Português.

Repare que, no mesmo dia, o ciclo de matérias voltou à mesma matéria “Português”. Nesse caso, o total de metas é de 2 horas no dia, mas respeitando o intervalo de inserção de uma hora por vez. Caso contrário, haveriam “buracos” no cronograma do aluno. Para entender melhor essa situação e os ajustes que podem ser feitos caso isso fuja do seu método, consulte esse artigo sobre lidar com o ciclo de matérias repetido no mesmo dia.

Por fim, cumpre ressaltar o fato de que esse é um tempo máximo, e não mínimo. Por isso, caso uma matéria tenha o tempo máximo de 4 horas por vez e o dia atual só tenha 2h30min disponíveis, será feita a inserção de uma atividade de 2h30min. Os cronogramas são sempre otimizações que fazem o máximo possível para representar o seu planejamento, mas sofrem ajustes em tempo real para se adequar à realidade do aluno e do seu próprio perfil de estudos.

Anterior Como funciona o ciclo de matérias
Sumário